Unboxing: Drone DJI Spark (Pequeno e Inteligente)




Cá está, aproveitando a vinda do Milton do canal Sobre Rodas PT ao meu canal, hoje venho trazer o Drone mais pequeno da DJI que podem comprar, o DJI Spark.

Pode parecer um brinquedo devido ao tamanho, mas tem quase o mesmo nível de tecnologia presente no DJI Mavic Pro.

Ao abrirmos o pack, neste caso o combo pack, podemos encontrar o drone dentro de uma caixa para vir totalmente bem embalado já com uma bateria aplicada, 4 hélices extra e uma bateria extra.



O drone realmente é bem pequeno, um pouco maior que o tamanho do Mavic Pro fechado. Na parte da frente vamos ter sensores e a camera que filma em 1080p, por trás temos o local para microSD, microUSB e fica o botão da bateria para ligar o drone.



Acessórios


Falando mais especificamente dos acessórios deste Combo pack, podemos contar com o comando (que não vem no pack básico), as 4 hélices extra, 4 protecções de hélices (útil para quem ainda está a aprender), cabo para microUSB, uma bolsa que dá para guardar tudo e que é compatível com o Mavic Pro, um carregador para 3 baterias, e bastantes manuais.



Breve comparação com o DJI Mavic Pro


Só para se ter uma ideia de tamanhos, a hélice do Mavic Pro é do tamanho do Spark.
Os comandos são quase idênticos, no entanto o do Spark não tem nenhum tipo de mostrador, toda a informação terá de ser verificada através do smartphone. De resto são bastante semelhantes.



Primeiras Impressões




Realmente é um pedaço de tecnologia bastante interessante, acaba por ser um drone que já tem uma boa capacidade de filmagem assim como alguma duração de bateria, acaba por servir para fazer umas "selfies" diferentes, ou então aquelas filmagens mais perto, que se querem fazer de forma rápida levando um drone para qualquer lado que não ocupa muito espaço. Mesmo assim tem capacidade de voar durante 15 minutos e com recurso ao smartphone ligado ao comando ainda vai bem longe, se for preciso.

Onde Comprar: Gearbest
Sempre que possível, para Portugal Continental utilizem o método Priority Line para evitar problemas com a Alfandega.







0 comentários: