Cisco acelera a evolução multi-cloud com a nova plataforma HyperFlex






A Cisco anunciou grandes novidades na Cisco HyperFlex, a sua plataforma inovadora hiperconvergente. A versão 3.0 do software otimiza o desempenho e a simplicidade para qualquer aplicação, em qualquer Cloud e a qualquer escala.
As melhorias incluem o suporte para Microsoft Hyper-V, stretch clusters, containers e os novos serviços multi-cloud que permitem desenvolver, monitorizar e gerir as aplicações em qualquer Cloud, facilitando o desenvolvimento e a implementação tanto de aplicações tradicionais como de aplicações nativas Cloud numa mesma plataforma hiperconvergente. A nova versão da HyperFlex aumenta ainda mais o poder da simplicidade para as empresas.

Redefinindo a hiperconvergência 

Ao contrário da HyperFlex, as outras soluções hiperconvergentes passam por omitir a importância da rede e dos sistemas de arquivos difundidos, de modo a garantir o rendimento e a escalabilidade dos servidores agregados. 
A Cisco redefiniu a hiperconvergência através de uma proposta completa que combina servidores de elevado desempenho e tecnologia de rede com um sistema de arquivos, projetado especificamente para a plataforma. O resulto é um desempenho líder no mercado, que permite aos clientes suportar eficazmente uma grande variedade de aplicações, incluindo bases de dados e aplicações ERP importantes.
Para qualquer aplicação
A versão 3.0 do software HyperFlex proporciona melhorias significativas para as aplicações essenciais e para cargas de trabalho Cloud nativa:
  • Suporte 'multi-hipervisor'. Além do VMware ESXi, a HyperFlex acrescenta ainda o suporte para a Microsoft Hyper-V.
  • Suporte a container. As melhorias na gestão de dados incluem um controlador FlexVolume, para facilitar o armazenamento consistente de containers geridos pelo software Kubernetes, permitindo assim o desenvolvimento e a implementação de aplicações nativas Cloud na HyperFlex.
  • Validação de aplicações empresariais. A HyperFlex contém uma vasta gama de aplicações, com perfis de volume de trabalho e ferramentas de dimensionamento disponíveis para suportar projetos de migração de aplicações. Além das guias de criação e implementação para Virtual Server Infrastructure (VSI) e Virtual Desktop Infrastructure (VDI), a Cisco disponibiliza também agora guias para bases de dados, analíticas e aplicações de ERP - incluindo Oracle, SQL, SAP, Microsoft Exchange e Splunk.
Em qualquer Cloud
As organizações exigem cada vez mais mobilidade do volume de trabalho e monitorização das aplicações, através de Clouds públicas e privadas. A HyperFlex é uma plataforma concebida para a multi-cloud, aproveitando a integração com o portfólio de software multi-cloud da Cisco:
  • Monitorização do desempenho das aplicações. A AppDynamics em conjunto com a HyperFlex permitem a monitorização do desempenho das aplicações híbridas que funcionam na HyperFlex e através de várias Clouds.
  • Localização das aplicações. A Cisco Workload Optimization Manager (CWOM) para a HyperFlex, apoia os clientes com análises automáticas e posicionamento do volume de trabalho.
  • Gestão da Cloud. Apresentado no ano passado, a CloudCenter para a HyperFlex facilita a gestão do ciclo de vida do volume de trabalho, desde uma até várias clouds públicas e privadas.
  • Cloud privada. A CloudCenter para a HyperFlex simplifica o desenvolvimento e a gestão de equipamentos virtuais (VM), containers e aplicações, facilitando aos developers e administradores a utilização de Clouds privadas.
A qualquer escala 
Apenas a Cisco permite às organizações potenciar o crescente volume de trabalho com resiliência abrangente, enquanto aproveitam o alcance global dos sistemas de gestão na Cloud.
  • Maior escalabilidade e resiliência on-premise. Os clusters da HyperFlex escalam neste momento até 64 nós, com maior resiliência através de áreas de disponibilidade completamente automatizadas, respondendo assim às exigências dos clientes com maior densidade de equipamentos virtuais.
  • Configuração de stretch clusters através nos data centers. Para responder aos requisitos de proteção de dados e de elevada disponibilidade das aplicações, a HyperFlex já pode ser configurada em modo stretch clusters para ambientes com Centro de Proteção de Dados, como em universidades e metros.
  • Gestão baseada na Cloud, através de data centers. A Cisco Intersight suporta agora o HyperFlex Cloud Deployment, aumentando a simplicidade da implementação e da gestão para qualquer localização remota.
As aplicações estão no centro da transformação digital. A constante evolução do cenário das aplicações exige suporte tanto para volumes de trabalho tradicionais ou monolíticos, como para arquiteturas de micro-serviços distribuídas. Além disso, a capacidade de alcançar um ambiente operativo multi-cloud está a converter-se rapidamente num requisito para o data centers.
De acordo com um estudo CloudView da IDC (julho de 2017), 85% dos inquiridos estão a avaliar ou a utilizar a cloud pública, enquanto 87% das organizações que já utilizavam a cloud estão a ponderar uma estratégia de cloud híbrida, e 94% planeia utilizar várias clouds.
A adoção de uma infraestrutura hiperconvergente (HCI) está também a crescer rapidamente devido à sua capacidade de simplificação. A HCI é um dos segmentos com crescimento mais rápido no segmento do data center, com uma taxa de crescimento anual de 30,2% entre 2016 e 2021 (Fonte: IDC Worldwide Quarterly Converged Systems Forecast Tracker, 3CQ17). A Cisco HyperFlex está a ser adotada como plataforma de referência para empresas de TI, acelerando esta transição de mercado para mais de 2000 clientes globalmente.
Declarações de apoio
  • Liz Centoni, Senior Vice President and General Manager of Computing Systems Product Group da Cisco: "As organizações exigem simplicidade operativa, escalabilidade sem esforço e capacidade de resposta às necessidades específicas de cada uma das suas aplicações. A nova plataforma HyperFlex demonstra o nosso compromisso em simplificar e otimizar continuamente as operações do data center e de ajudar as empresas a evoluir na era da multi-cloud."

0 comentários: