O sua conta Google está segura?


Em Maio deste ano o Sistema Operativo Android celebrava 2 Biliões de dispositivos Android activos mensalmente. Este Sistema Operativo, que já faz  parte da vida de muita gente, está presente não só em Smartphones e Tablets, como também em  Smartwatches, Tv boxs e até mesmo Auto-Rádio. E todos os utilizadores Android, têm uma coisa em comum, para além do SO. Uma conta Google. Será que todos a utilizamos de forma segura?







Ao comprarmos um dispositivo Android, uma das primeiras coisas a fazer é efetuar login com a conta Google ou criar uma conta nova. Mas uma conta Google, não é apenas uma conta de dispositivo ou um e-mail, uma conta Google é muito mais. Atrevo-me até a dizer que uma conta Google é um diário da nossa vida pessoal. Até que ponto estará segura?

Quando fazemos login com a nossa conta pela primeira vez num novo dispositivo Android, dá-se inicio á sincronização com a conta Google. Lembram-se quando antigamente trocávamos de telemóvel e tínhamos que passar os contactos do antigo para o novo? Até chegávamos a andar com 2 telemóveis enquanto não tínhamos os contatos todos transferidos. Pois, isso felizmente acabou há muito. Se dermos autorização ao novo dispositivo Android, ele carrega todos os dados que tínhamos no Smartphone antigo. Contactos, Calendário, E-mail, Dados de Aplicação, Redes Wi-fi, Dados do Google Fit, Apps utilizadas, etc. E em poucos minutos, podemos já sair com o Smartphone novo na mão, que já temos praticamente tudo como dantes.

Clica aqui para saber mais acerca dos dados recolhidos.

Como eu já tinha dito, uma conta google, não é apenas uma conta. E um Smartphone deixou de ser apenas um Smartphone. Já pensaram no que seria se perdessem o vosso Smartphone? As  contas do telemóvel, contactos, Facebook, mensagens, galeria, histórico de navegação, Apps utilizadas, histórico de localizações, etc. estariam facilmente expostas. E apesar de usarem códigos ou padrões de bloqueio, não será difícil obter “exploit” para acesso ao Smartphone. Mais desconcertante será saber que todas essas informações poderão ser também acessíveis através de qualquer computador se  não nos preocuparmos muito com nossa segurança, no acesso à nossa conta Google.

A segurança das contas pessoais tem sido uma constante preocupação por parte da Google que tem criado mecanismos para melhor proteger o utilizador. Mas nem toda a gente utiliza esses mecanismos ou por desconhecimento, ou por "preguiça" em configurar. Em apenas poucos minutos, poderão configurar esta segurança, que poderá livra-lo de más situações.

Algo muito simples que a Google criou e já existe desde 2012, foi a Confirmação em 2 Passos. Basicamente, sempre que queremos efetuar login num computador "não reconhecido" é-nos solicitado para além dos dados de acesso, um código de confirmação. Este código é gerado por uma App instalada no nosso smartphone/tablet, o Google Authenticator. O Smartphone é algo que nos acompanha sempre, por isso funcionará como uma chave de acesso á nossa conta a partir de um computador.



A App Google Authenticator funcionará mesmo sem rede no Smartphone e cria um novo código de 30 em 30 segundos. Mesmo que fique sem bateria, pode criar e imprimir um cartão com 10 códigos que poderá guardar na sua carteira. Cada código só é utilizável uma vez. No caso de computadores "fidedignos" como por exemplo o seu computador do trabalho, pode indicar ao fazer o login para não solicitar mais o código de confirmação durante 30 dias. Ainda assim, sempre que um novo computador ou dispositivo entrar na sua conta, receberá um email a informar. 

Recomendo também passar pela Verificação de Segurança da sua conta Google que permite-lhe verificar situações que ponham em risco a segurança da sua conta, e a respectiva forma de corrigir. E neste Conjunto de Etapas, que lhe ensinam a tornar a sua conta Google mais segura.

Por fim, crie uma palavra-passe forte, com maiúsculas, minúsculas, números e símbolos, é certo que tudo isto dá trabalho, mas não se esqueça que é a sua vida pessoal que está em risco.









0 comentários: