Realme X2 Pro - O melhor telemóvel de que nunca ouviu falar




A Realme decidiu agitar o mercado de smartphones ao oferecer hardware de topo por um preço bastante competitivo. Será este o flagship killer de 2019?

Não é novidade que, de quando em quando, aparecem equipamentos no mercado com o grande objetivo de trazer muito mais por muito menos. Dispositivos que visam bater de frente com marcas como a Samsung, Huawei e Apple mas que, ao revés destas, não deixem a carteira do utilizador de bandeira branca hasteada. Marcas que hoje são muito badaladas, como por exemplo a One Plus, começaram neste segmento e com este mesmo credo. Entretanto, um dos casos mais recentes foi também o Pocophone, da Xiaomi.

O facto é que o mercado não pára e a Realme apresentou o que muito possivelmente será um dos grandes Flagship Killers de 2019 - O Realme X2 Pro. Este equipamento, que já se encontra em pré-reserva em alguns dos pontos de venda nacionais, ronda em média os 499 euros na versão mais cara e que, por sua vez, traz hardware capaz de envergonhar muitos equipamentos a custar o dobro do preço.

No coração do equipamento temos um Snapdragon 855 plus, um processador topo de gama da Qualcomm. Relembramos que outros telemóveis, como o tão badalado e recém lançado Google Pixel 4 XL, ainda estão a ser lançados com o Snapdragon 855 standard. A nível de processamento gráfico temos, tal e como no Pixel 4 XL, um Adreno 640.

O smartphone vem preparado com um display de 6.5" Super Amoled Full HD+ num rácio de 20:9 com uma densidade de pixeis por polegada de 403, certificações HDR10+, picos de brilho máximos de 1000 nits e uma taxa de atualização de 90Hz. Se até agora não ficaram rendidos às especificações do equipamento, preparem-se pois há mais.

No departamento da bateria e carregamento podemos contar com 4000mAh e um carregamento Super VOOC de 50Watts que, segundo a marca, deixa o vosso Realme X2 Pro carregado em 35 minutos (de 0 a 100%).

Este dispositivo vem também com um array de quatro câmaras traseiras com as já tão habituais lentes wide, ultra-wide, telephoto e ainda o sensor de profundidade. Mas como uma imagem vale mais do que mil palavras, deixamos uma fotografia partilhada pela marca para demonstrar o poderio fotográfico deste equipamento:

 


O Realme X2 Pro vem ainda preparado com desbloqueio biométrico por impressão digital in-display que, apesar de ser ótica, não deixa de ser uma mais valia na já tão longa lista de pontos positivos desta máquina. No entanto, este preço não poderia existir sem cortar em alguns outros aspectos. O equipamento não possui uma certificação IP, não vem preparado com o novo standard Wi-Fi 6 (também conhecido por 802.11ax) nem traz carregamento QI Wireless. 

Pode ser encontrado em terras lusitanas a partir de meados de Novembro, nas configurações de 6GB, 8GB e 12GB de memória RAM acompanhados por 64GB, 128GB e 256GB de memória ROM, respectivamente.

Fiquem com uma opinião, em vídeo, sobre este equipamento móvel:



0 comentários: